Dicas para uma Ceia de Natal saborosa e saudável

quarta, 19 de dezembro de 2018 às 10:00:00
palavras1.jpg

Nas festas de final de ano, a comida é o elo que une os familiares e amigos, principalmente na confraternização natalina. Há muitas opções e possibilidades para uma ceia com cor e sabor, reunindo alimentos que fazem bem à saúde e satisfazem a qualquer paladar.

Se o Natal é o dia perfeito para reunir a família e compartilhar os sentimentos de união e integração, os alimentos são fatores fundamentais nessa confraternização. É em torno de uma mesa com iguarias diversas que todos se reúnem e expressam a alegria desse encontro e, assim, a definição do cardápio pode dar um sabor especial à festa. O CRN-8 dá aqui algumas dicas de como planejá-lo, de modo a agradar aos presentes, oferecendo opções com diversidade e sem desperdícios.
Para que todos fiquem satisfeitos, o primeiro passo é saber do que os convidados gostam e do que não gostam, bem como de possíveis restrições alimentares. Pensando nisso, o prato principal deve contar com pelo menos dois tipos de carne. São comuns as aves e as suínas, ambas assadas, mas os frutos do mar são também uma boa escolha.
É sempre bom lembrar que as carnes suínas, precisam de atenção especial no preparo, precisam estar bem cozidas. A função dos temperos, além de agradar ao paladar, pode também ser a de tornar o prato mais saudável e o uso de alho, alecrim, cebola, cebolinha e salsinha, assim como outros, são recomendados, principalmente se naturais.
O prato principal pode ser servido com pelo menos três tipos de acompanhamentos e possibilidades não faltam. Como exemplo, temos arroz com amêndoas, farofa e legumes ao forno, com bastante cor, o que dá beleza à mesa, seduz o paladar e contribui para a boa alimentação. A combinação de couve flor, brócolis, cenouras e batata baroa é uma boa dica. Há também as folhas e as frutas, que dão vida ao prato e um sabor especial quando combinadas , além de ser uma excelente forma de tornar mais saudável a refeição. A manga e o abacaxi são as mais usadas, mas os figos e os morangos também são opções saborosas. Cuidar da composição das texturas e cores é importante, uma vez que a primeira impressão se dá com o olhar.
Durante o preparo da ceia é preciso cuidar para não haver contaminação cruzada, cuidando com o uso de tábuas, facas diferenciadas ou bem higienizadas para as diferentes proteínas. Além, é claro, de fazer uma boa e eficiente higienização em todas as frutas, verduras e legumes que serão usados no preparo. Uma dica de economia é comprar antecipadamente as oleaginosas (amêndoas, nozes, castanhas), que nesta época do ano ficam mais caras, e poder rechear a ceia com elas. Na sobremesa, além das frutas características da época, um bom panetone sempre é boa opção. Afinal, há quem diga que Natal cheira a panetone.
Depois disso, com a mesa repleta, a família e os amigos reunidos, só nos resta desfrutar o lindo momento que o Natal inspira, com alegria, sabor e saúde.